L O S __ A N G E L E S

Onde ficava o pequeno Pueblo de Los Angeles, parte do México, controlado pela Espanha, o jovem fidalgo Don Diego Vega, chamado de volta de seu treinamento com os oficiais de elite na Espanha para a Califórnia, encontra seu pai, o Alcaide, deposto e o povo vivendo sob o jugo tirano dos espanhóis. Resolve então assumir a identidade secreta de “El Zorro” (“a Raposa” em espanhol) para defender o povo explorado pelos militares espanhóis. Em 1821, o México tornou-se independente da Espanha e a cidade de Los Angeles passou para controle espanhol. Posteriormente Los Angeles e Monterey alternaram-se como a capital do estado mexicano da Califórnia.

Em 1826, Jedediah Smith chegou a Los Angeles. Ele foi a primeira pessoa a chegar à cidade vindo da costa atlântica. Em 1841, assentadores americanos começaram gradualmente a morar na Califórnia, muitos dos quais decidiram-se instalar-se na cidade de Los Angeles. Mesmo assim, hispânicos continuaram a ser maioria na cidade.

Em maio de 1846, os Estados Unidos e o México entraram em guerra. Em agosto do mesmo ano, tropas americanas capturaram Los Angeles. Porém, uma grande rebelião popular contra os americanos desenvolveu-se entre a população hispânica da cidade, e as tropas americanas recuaram. Em janeiro de 1847, Los Angeles foi capturada definitivamente pelos americanos.

Fundada pelos espanhóis em 1781 com o nome de Pueblo de Nuestra Señora la Reina de los Ángeles sobre El Río Porciuncula, Los Angeles é hoje a sede do Condado de Los Angeles.

Aquela que era apenas uma vila com um nome esdrúxolo é hoje a segunda maior cidade dos Estados Unidos, berço da Meca do cinema e coração de um dos estados mais ricos e poderosos dos Estados Unidos.

De visitas a casas das estrelas a passeios pelas esplêndidas praias de Malibu e Santa Mônica, Los Angeles tem muito a oferecer. Nas praias de Santa Mônica, banhadas pelo oceano Pacífico, encontra-se a Third Street Promenade, onde é possível encontrar lojas interessantes, cafés charmosos ao ar livre e artistas de rua que fazem as mais variadas performances. A bela e simpática Long Beach, com seus pouco mais de 400 mil habitantes, quinta maior cidade da Califórnia, também faz parte da grande Los Angeles. Pasadena possui montanhas ensolaradas, deslumbrantes jardins de rosas e a extraordinária arquitetura da Califórnia. Está localizada bem no coração do que pode ser considerado um dos lugares mais bonitos da região de Los Angeles


A gigante metrópole da Califórnia possui tais dimensões porque, de fato, é um conglomerado de pequenas cidades, unidas por ruas e amplas estradas de seis pistas, as famosas highways. É a dimensão dessas vias públicas que torna possível a visão em vários lugares de grandes e elegantes limusines.

As distâncias muito grandes na cidade fazem com que seja indispensável o uso de veículos. Como a maioria dos californianos possui carro, a cidade de Los Angeles enfrenta caóticos engarrafamentos nos horários de pico.

Graças à poderosa indústria do cinema, que utilizou todos os lugares possíveis da cidade e de seus arredores como cenário de filmes e programas, Los Angeles possui lugares que são, em qualquer parte do mundo, ícones de magia e glamour.

Arte e design estão concentrados nas avenidas Melrose, Robertson e Beverly, na interessante West Hollywood. No centro da região, está o Pacific Design Center que reúne excelentes galerias de artes, butiques exclusivas e os mais concorridos showrroms de renomados designer. Além de diversas lojas de antiguidades, livrarias e restaurantes famosos oferecendo variedades de cardápios.

Andar pelos badalados Sunset Boulevard, Rodeo Drive e Hollywood Boulevard, com seu famoso Teatro Kodak; observar os jovens de Santa Monica e os tipos morenos e atléticos de Venice Beach; ou contemplar as famosas mansões de Beverly Hills trás uma dimensão real do que é a Meca do cinema, com suas misérias e imensa glória. Los Angeles é uma concentração urbana que conta com mais de nove milhões de habitantes , população metropolitana superior a quinze milhões, renda média per capita de U$20,683, e 17.9% de sua população abaixo da linha de pobreza.

Além da Disneylândia e de vários outros parques temáticos, Los Angeles abriga os maiores estúdios de cinema do mundo, como os da Universal, que possuem um circuito de lojas e atrações diversas para o público, como telões por meio dos quais é possível ver jogos do Lakers, por exemplo. A cidade dos anjos também possui áreas com especiais influências culturais, graças à presença de comunidades étnicas numerosas. Assim são Little Tokyo, com suas casas e construções no melhor estilo asiático, e, Pueblo de Los Angeles, aquele lugar onde começou a crescer a grande megalópole.

Los Angeles é o maior ponto de entrada para imigrantes que vêm aos Estados Unidos e é também uma das cidades mais multiculturais do mundo, com populações de muitas nações. É considerada uma cidade global alfa , tendo hospedado dois Jogos Olímpicos, e por ser lar de instituições científicas, culturais e financeiras internacionalmente renomadas.

  The Official Web Site of The City of Los Angeles

Los Angeles tem diversos hotéis. A seguir, alguns com diárias entre 60 e 80 euros :

Los Angeles Airport, da rede Sheraton, a 400 metros do aeroporto LAX. De primeira classe. Airport Blvd. 9750 - Los Angeles.

Miyako Inn and Spa, Dowtown. 328 East 1st Street - Los Angeles.

Century Wilshire, junto ao Wilshire Blvd., ao campus da UCLA e perto do centro médico da UCLA. Beverly Hills/UCLA 10776 Wilshire Blvd - Los Angeles.

Mayfair. Dowtown.1256 West Seventh Street - Los Angeles.

Fontes : Terra, ABN, Vitruvius e "A Marca do Zorro" de Johnston McCulley

 



Amsterdam | Bahamas | Berlin | Délhi, Mumbai, Chennai and Bangalore | Destinos Românticos | Dubai | Fortaleza | Florianópolis | Jerusalem | I Ilha da Madeira | Londres | Los Angeles | Madrid | Mekong | Montreal | Moscou | Munique | New York | Nordeste | Paris | Rio de Janeiro | Salvador | São Petersburgo | Viena | Martinica