Bowie continua na Filadélfia cercado dos melhores músicos disponíveis e grava o LP Young Americans, uma ode a música soul americana. A canção "Fame" é uma pareceria inesperada entre ele, Carlos Alomar e John Lennon. Conta a historia que Lennon no estúdio, para a gravação de sua "Across The Universe", puxou o riff que ficou característico da canção nova, soltando em seguida um agudo "fame!" (fama). Em cima deste momento de inspiração começaram a compor a canção com a assistência de Alomar. A letra é praticamente toda de Bowie e o resultado final é gravado no mesmo dia. A canção coroa Bowie com seu primeiro No.1 na terra do Tio Sam enquanto "Young Americans" faixa título, leva Bowie a uma apresentação no programa de TV americano Soul Train, convite raro para um artista branco.

Em Los Angeles, onde passou a morar, Bowie grava e lança "Station To Station" onde ele leva sua interpretação de soul para um mundo mais avante-garde e eletronicamente inspirado. O disco contem impressionantes interpretações como em "Wild Is The Wind" e a própria "Station To Staion" e hits como "Golden Years" e "TVC-15".


Station To Station - David Bowie