Desenvolveu uma maneira única de tocar violão — que incorpora elementos virtuosísticos da técnica clássica e suíngue e harmonia populares — e explorou de maneira radical os limites do instrumento que o transformou em uma rara estrela nacional da área com trânsito internacional.

Baden Powell é sem dúvida uma das maiores pérolas da música brasileira. Unificou a bossa velha e nova em uma mesma linguagem. Abraçou também o Jazz, com toda naturalidade, quando gravou e viveu por muitos anos na Europa.